Os cinco principais cuidados para redigir um currículo vencedor

3 de janeiro de 2020 - 7 minutos lido

No caso da maioria das vagas de emprego, o currículo é o primeiro contato que o empregador tem com o candidato. Antes de qualquer entrevista ou atividade de avaliação, o currículo costuma ser a primeira etapa do processo seletivo.

É justamente por isso que é essencial que esse documento seja o mais impecável possível e contenha todas as informações fundamentais a respeito do candidato. Assim como é de extrema importância saber que dados não devem ser acrescentados.

São informações desnecessárias que acabam por frustrar muitos recrutadores e, pasme, fazem o currículo ser jogador no lixo! É isso mesmo, certas informações podem ter esse efeito nada desejável…

Por isso, no artigo de hoje, resolvemos comentar alguns erros que não devem de forma alguma aparecer no seu currículo, além de dar algumas dicas de como deixar este documento no ponto certo.

É só continuar lendo para conferir tudo! 😉

mulher-de-negócios-recebendo-currículo

O que não fazer em um currículo

Para ficar mais fácil, decidimos montar uma listinha contendo os 5 erros que não devem de forma alguma existir no seu currículo! O layout, falta de informações básicas e até mesmo excesso de detalhes são alguns dos aspectos que você precisa estar atento. Dá uma olhada:

1. Uma mentirinha faz mal?

Todo mundo cresceu ouvindo os pais falarem que mentir é feio… E isso se aplica DEMAIS quando o assunto é currículo! Mentir sobre qualificações e experiências profissionais é um erro totalmente imperdoável.

Imagine a seguinte situação: você chega na entrevista de emprego e o recrutador faz uma pergunta para você em uma língua que, de acordo com seu currículo, você é fluente. Aí você não entende a pergunta, não tem como responder e na mesma hora é mandado embora.

O pior é a reputação que você vai ficar depois desse ocorrido. Por isso, lembre: antes um currículo menos cheio e honesto, que um lotado de qualificações irreais.

2. Ihhh… DEU ERRO!

Erros de ortografia e digitação são quase um crime quando o assunto é currículo! E vale lembrar da importância de usar o português formal nesse documento, já que a versão coloquial da língua pode causar uma impressão errada do candidato.

Gírias e erros ortográficos não podem de forma alguma estarem presentes no seu currículo. E é essencial estar atento aos erros de digitação, pois letras repetidas ou trocadas passam a impressão de pressa e desleixo. E isso é a última coisa que você quer!

3. Ninguém merece muito blablabla!

Esse é um recado para quem gosta de falar cada mínimo detalhe sobre tudo: às vezes isso pode ser bem prejudicial. E é justamente esse o caso desse documento. Você já reparou no tamanho do seu currículo?

Dica: se passou de duas páginas, já é demais! Por isso, é importante pensar de forma bem estratégica em como você vai expor as informações fundamentais, além de priorizar um design que não seja só bonito, mas também funcional.

Lembre-se que o seu currículo vai ser analisado junto de vários outros, e a última coisa que você precisa é que o recrutador ache o seu cansativo. Facilite o trabalho dele, porque isso já conta como uma vantagem para você! 😉

4. O que você deseja exatamente?

Além de apresentar quem você é, seu currículo p-r-e-c-i-s-a deixar bem claro quais as suas intenções com a empresa, que é a queridinha do recrutador! haha. Brincadeiras à parte, é preciso deixar explícito o seu objetivo profissional. Essa informação não pode ficar de fora de jeito nenhum.

Assim, lembre de falar as áreas de atuação de seu interesse e, se possível, liste áreas relacionadas à essa principal e que você possui domínio. Isso mostra que você tem foco e um objetivo bem estabelecido. E que empresa não quer um profissional assim, não é?

entrevista-de-emprego

5. Amei seu currículo… mas como entro em contato com você???

Infelizmente isso é uma realidade que muitos recrutadores enfrentam quando abrem processo seletivo nas empresas. O currículo do candidato é ótimo, sem erros de português e, de quebra, ainda tem um design bonito.

Na hora de entrar em contato com o candidato, vem o problema: informações de contato básicas como email e celular estão erradas ou nem mesmo foram acrescentadas ao documento. E agora, como entrar em contato?

Para que você não perca uma vaga de emprego por causa de um deslize desses, lembre-se de conferir se todas os seus dados para contato estão corretos. E não precisa exagerar, ok? Nada de botar RG ou CPF, que são informações desnecessárias.

Se você evitar esses deslizes e seguir nossas dicas, o seu currículo já estará à frente de muitos concorrentes! Não esqueça de sempre revisar tudo que acrescentar de novo, além de manter este documento sempre atualizado e pronto para ser enviado.

Boa sorte e que 2020 traga o emprego dos seus sonhos! Até a próxima. :)

Tags: